Em 1970, com a criação da Faculdade de Medicina da Universidade de Passo Fundo, a cidade inicia um processo de desenvolvimento como centro de saúde. Naquela época, não se contava com a especialidade de Anatomia Patológica, por isso, os exames eram encaminhados para outros municípios.

O Instituto de Patologia de Passo Fundo – IPPF é então fundado em 26 de março de 1975, pelos médicos Aventino Alfredo Agostini, patologista formado pela Universidade Federal de Santa Maria, com residência médica pela Santa Casa de Misericórdia do Rio de Janeiro e ex-professor da Universidade de Brasília; e Luiz Carlos Trindade, patologista também formado pela Universidade Federal de Santa Maria, com residência médica pela Universidade Federal Fluminense.

Desde então, a abertura do IPPF, inicialmente oferecendo exames Anatomopatológicos e de Citologia, com a posterior introdução da Imuno-Histoquímica e, mais recentemente, da Biologia Molecular, passou a auxiliar a Oncologia e demais especialidades médicas de Passo Fundo no que tange o diagnóstico acurado, conduta terapêutica e prognóstico, sempre respeitando a ética e valorizando a inovação tecnológica e científica. Isso veio ao encontro do fortalecimento da cidade como pólo regional em saúde.

Atualmente, o IPPF presta serviços em três unidades, todas no Centro da cidade de Passo Fundo, oferecendo mais conforto e facilidade de acesso aos pacientes. A Matriz, localizada no 9º andar do Edifício das Clínicas; a unidade 2, fundada em outubro de 2016 em parceria com o Hospital de Clínicas de Passo Fundo; e a unidade 3, na Rua Quinze de Novembro, inaugurada em março de 2019.

O IPPF conta com um corpo clínico altamente qualificado, sempre em busca de atualizações através do ingresso em Programas de Mestrado e Doutorado e da participação em congressos e cursos no país e exterior. Além disso, os patologistas também exercem atividade de docência em duas Instituições de Ensino Superior de Medicina da cidade. Da mesma forma, a equipe técnica e de colaboradores do IPPF está em constante aperfeiçoamento das suas funções através de treinamentos internos e externos.

Há pouco tempo, iniciamos uma reestruturação no modelo de gestão da organização, aonde, em preparação à implantação do Programa de Acreditação e Controle de Qualidade da Sociedade Brasileira de Patologia (PACQ/SBP), nos comprometemos, pouco a pouco, a promover a melhoria contínua dos nossos processos, primando pela excelência das práticas de gestão técnica e organizacional, com foco na segurança do cliente.

Esse ano, 2020, o IPPF comemora 45 anos de atuação no mercado. Com muito orgulho, hoje, somos referência em Patologia e Biologia Molecular na Região Norte do Estado, atendendo a uma área de mais de 70 municípios.

IPPF 45 anos